Ione Souza Junior

Redmine Time Tracker plugin

02/03/2013 | 1 minuto de leitura | Tradu√ß√Ķes: en | #misc

Nos primeiros testes que fiz com Redmine, percebi que a maneira que ele disponibiliza para fazer apontamento de horas é um pouco precária, e até onde vi, não existe um client estilo o Worklog, e principalmente, open source, para realizar essa tarefa de maneira sutil.

Foi então que achei o plugin Redmine Time Tracker. Com ele você consegue ter uma interface mais agradável para realizar apontamento de horas. Não tem toda a praticidade de um client, mas é possível escolher uma issue e em seguida iniciar o apontamento de horas.

Porém, ao realizar os primeiros testes encontrei alguns problemas.

No apontamento de horas padrão do Redmine, é possível escolher o tipo de horas apontadas, por exemplo, suporte, desenvolvimento e outros tipos que o administrador poderá cadastrar. Mas no apontamento de horas realizado por este plugin, não é possível realizar esta seleção, o tipo de apontamento cadastrado para todos estes registros é uma marcação própria do plugin.

Como eu precisava ter um controle dos tipos de atividades realizadas pelos apontamentos utilizando o plugin, decidi realizar um fork do plugin e implementar o campo do tipo de atividade na tela de cadastramento do apontamento.

O plugin pode ser encontrado neste repositório no GitHub.

Como pode ser visto abaixo, a √ļnica implementa√ß√£o realizada foi adicionar o campo ‚ÄúActivity‚ÄĚ no formul√°rio.

Imagem da tela do Redmine com o campo Activity adicionado.
Imagem da tela do Redmine com o campo Activity adicionado.

Com isso, é possível obter relatórios de apontamento de horas de forma mais correta, pois cada apontamento estará vinculado ao seu correto tipo de atividade.